Home Artigos O que o término de relacionamentos passados te ensina sobre relacionamentos futuros?

O que o término de relacionamentos passados te ensina sobre relacionamentos futuros?

495
0

Eu sei como términos podem doer, mas também compreendo como em alguns casos, são necessários. Repito sempre que o namoro precisa acabar de um jeito ou de outro, quando não no altar.

Mas namoros acabados não nos mostram que devemos parar de acreditar no amor. Amores acabados nos servem de chacoalhão! Nos servem para algumas lições:

• Acorde! Se o namoro já é longo, não é o tempo de relacionamento que garante a estabilidade do sentimento, e sim a dedicação e o respeito cultivados entre ambos.
• Crente namora com propósito! Está namorando há quanto tempo? E pretende namorar quanto tempo? Esses são diálogos que você precisa ter com seu namorado, pois o cristão namora com o objetivo de se casar.
• Declarações de amor são lindas… mas são válidas quando faladas no tempo certo. Se declare para quem você ama enquanto você está com essa pessoa. Valorize, dê carinho, elogie, dedique tempo!
• Fale! Converse! Se precisar, chore. Mas não guarde rancor e mágoa. São fagulhas para uma grande explosão.

E o mais importante… Busque primeiro o reino de Deus dentro do seu relacionamento. É Deus quem pode e deseja os abençoar, e por isso, faça do seu relacionamento motivo de honra ao Senhor.

Gabriele Sauthier
@faleicomamor
Foto de Tirachard Kumtanom

COMPARTILHE ESTE ARTIGO: