Home Artigos Solte as cordas que te ferem

Solte as cordas que te ferem

373
0

Quero começar esse texto te fazendo uma pergunta: Você tem noção do valor que você tem? 

Se você sabe o valor que existe em você, porque insistir em relacionamentos que não enxergam isso? Por que se expor a situações que te fazem colocar em xeque o teu valor? 

A carência, a dependência emocional, muitas vezes os momentos difíceis da nossa vida, nos fazem buscar refúgio nas pessoas. E muitas vezes, em pessoas erradas. 

Já ouviu a frase de que algumas pessoas entram na nossa vida para nos ensinar a nos amarmos? Pois então, não é egoísmo parar de amar algo que não é reciproco, e dedicar esse amor para você. 

Solte essas cordas que você insiste em segurar, e que estão ferindo teu coração dia após dia. Pare de forçar aquilo que você deveria receber de forma natural. 

Encerrar ciclos não é fácil, não é mesmo? Ás vezes, a gente fica batendo a cabeça, procurando um meio de manter certas pessoas na nossa vida. Por um tempo é até fácil, mas uma hora a conta chega, e muitas vezes machuca. 

Porque temos a mania de depositar nossas expectativas nas pessoas. E o que seria a expectativa, se não a nossa busca desenfreada por algo que preencha nossa vida, não é mesmo? 

E nessa busca, acabamos brigando com nosso próprio coração para manter em nossa história, quem deveria apenas estar de passagem. 

Abrimos mão muitas vezes de valores, que antes eram inegociáveis para nós, simplesmente por medo de perder alguém. 

Mas posso te falar algo? Não abra mão de quem você é para construir o ‘’eu’’ de outra pessoa.  

Para de se anular para fazer outras pessoas felizes. Fazer o bem sempre ao nosso próximo é diferente de se auto defraudar por alguém. 

Se valorize e deixe ir aquilo que não merece fazer parte da sua história. Deposite essa força e insistência em te fazer feliz um pouco, e por favor, se ame muito, você merece todo o amor que tenta dar aos outros.

Karine Irmer 
Instagram: @karineirmer

Imagem de Mokup em pixabay

COMPARTILHE ESTE ARTIGO: